Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diario de um urso

Porque o dia não começa sem um café(forte) e uma boa leitura. Espaço onde irei partilhar um pouco deste meu "novo"eu.

Diario de um urso

Porque o dia não começa sem um café(forte) e uma boa leitura. Espaço onde irei partilhar um pouco deste meu "novo"eu.

A minha vida acabou hoje

Hoje percebi que te perdi, posso estar a tomar elações precipitadas mas há coisas que se sentem se vêm.
Hoje morreu uma parte de mim, morreram os sorrisos, as piadas, o brilho no olhar, morreu-me a alma.
Tudo o que tu fizeste renascer há dois anos e meio, morreu hoje com a tua perda.
A conversa não foi tida, nenhum de nós disse “acabou” mas o silencio e a ausência também falam, e tomara eu estar enganado meu amor.
Tomara eu que tudo isto não passa-se de um pesadelo do qual acordo e vejo que esta tudo como sempre foi.
Mas não, não está, e ambos sabemos isso, sei que não me desejas mal, que só queres o meu bem que me adoras e que até podes estar a fazer isto para me “libertar”, conheço-te demasiado bem, mas meu amor, não me estás a libertar de nada, esáas a matar o que de bom, o que de vivo havia em mim.
Não posso por termo à vida e a todo este sofrimento que me corrói por dentro, não posso sequer chorar e mostrar que estou desfeito, tenho um filho, um filho que um dia sonhei que seria nosso e não só meu, tal como a tua filha meu amor, para mim continuará a ser nossa.
Nenhuma outra mulher ocupará o teu lugar, e sabes porque meu amor? Porque se é verdade que cada mulher tem o seu encanto e todas merecem respeito, não é menos verdade que mulheres como tu há muito poucas e que nem que passa-se o resto da vida há procura de alguém como tu, não iria encontrar porque és única, és diferente, és especial, e tudo o que vivemos foi intenso inesquecível e irrepetível se não for contigo meu amor.
Desde inicio que temi perder-te, mas no fundo sabia que mais tarde ou mais cedo este momento iria chegar, na minha vida sempre foi assim as pessoas que tornam importantes na minha vida saem dela mais arde ou mais cedo.
Não tenho direito a ser feliz meu amor, sou fraco não consigo lutar e quem não luta não merece a felicidade.
Não te desejo mal, como poderia eu desejar mal a alguém que amo tanto e mais, a alguém que durante dois anos e meio me fez tanto bem, me ajudou tanto, me apoiou tanto, fez tanto por mim.
Desististe, não te censuro todos nós temos limites e tu percebeste certamente que eu não mudo, que sou um caso perdido, e como poderia uma guerreira vencedora como tu lutar por um caso perdido, por um fraco por um falhado.
Perdi-te meu amor por inércia por incapacidade de mudar algumas coisas em que até sei que tens razão.
Não vou conseguir dar a mãe que sempre sonhei ao meu filho ao nosso filho (sim tu adoptaste-o e preocupaste tanto com ele como eu, o que prova que eras a mãe ideal).
Só desejo que sejas feliz aliás é tudo o que quero na vida, ver-te feliz sinceramente feliz, e não com um sorriso que mascara a tua dor interior, ver-te feliz nem que essa felicidade dependa da minha vida.
A minha vida já não tem qualquer valor, aliás já nem existe vida em mim, deixei de viver passei a sobreviver para poder criar o nosso filho, sei que ele estaria melhor contigo, mas infelizmente a lei não iria permitir que o adoptasses (afinal ele tem mãe biológica embora não pareça)e eu vou cumprir a minha obrigação e única missão na vida, cria-lo e fazer dele alguém livre e independente para depois poder descansar  em paz, vai ser duro meu amor, acordar sem o teu bom dia, adormecer sem o teu beijo, sair do emprego e não ouvir a tua voz, mas ele não tem culpa, aliás nem tu o único culpado sou eu.
Só quero que saibas que esse amor que te tenho é tão sincero quanto eterno, e é também por isso que não quero nenhuma outra mulher, lembras-te de há pouco ter dito que as mulheres merecem respeito? Que espécie de homem seria eu se procura-se alguém só para suprir a tua falta? Como conseguiria eu beijar alguém quando na minha cabeça só iriam estar os teus beijos, como poderia eu fazer amor com outra mulher se e o teu corpo que eu quero sentir? Não seria justo para ninguém, eu não conseguiria viver essa mentira.
prefiro sobreviver com as recordações do que viver com mentiras.
amo-te muito meu amor, só quero que sejas feliz, mesmo que com outro alguém o meu amor não é egoísta e se atua felicidade passar por outro alguém por muito que isso me doa, quero que sejas feliz.
Promete-me que serás feliz.

Não sei se este será ou não o último post aqui do blog, esta perda dá outro sentido ao blog mas retira sentido há minha vida, este espaço faz-me falta e a interacção com os meus queridos leitores e sobretudo o vosso apoio faz-me muita falta e sim confesso nesta altura fará ainda mais, mas tenho de reflectir sobre o sentido deste blog, te porque não quero abandonar este mundo e perder-vos o rasto , para mais tarde me arrepender voltar e já não vos ter por cá.

 

deixo-vos com uma musica que retrata bem o texto

 

 

 

12 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

este blog participa

mini.JPG

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D