Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diario de um urso

Porque o dia não começa sem um café(forte) e uma boa leitura. Espaço onde irei partilhar um pouco deste meu "novo"eu.

Diario de um urso

Porque o dia não começa sem um café(forte) e uma boa leitura. Espaço onde irei partilhar um pouco deste meu "novo"eu.

Fetiches e as 50 sombras de Grey

O post de hoje foi despoletado por um post da nossa querida desarrumada a quem aproveito desde já a força que me deu para o escrever e pelo post que escreveu que está simples divertido e sem papas na língua como de costume, em suma recomendo (não só este post mas o blog todo).

Para ser sincero já tinha pensado falar neste assunto, mas nunca avancei porque com este texto vou revelar algo de muito intimo e algo que apesar do cinema ter de certa forma desmistificado, muita gente ainda vê como tabu, estranho e até doentio, por isso se os adjectivos que usam para apelidar o BDSM são estes por favor não avancem mais e vão ler outro blog.
Se pelo contrario têm uma mente aberta a outras realidades e têm a máxima "entre 4 paredes vale tudo desde que com mútuo consentimento" então este post é para vocês.

...

 

Ponto prévio feito vamos a isto:

Para quem possa não estar familiarizado (quem não viu o filme nem leu a trilogia das 50 sombras de grey) BDSM é uma sigla cujas letras são as iniciais de Bondage, Disciplina, Dominação , Submissão e sadomasoquismo.
e sim meus caros envolve chicotes, chibatas, mordaças, vendas algemas entre outros "brinquedos", pode ou não implicar infrigir/sentir dor, pode ou não implicar humilhação verbal, pode ou não relacionar-se com outros fetiches, nomeadamente podolatria (adoração de pés) isto porque o BDSM não é uma pratica em si só mas um conjunto de práticas, que podem ou não interligar-se dependendo das vontades desejos e fetiches dos praticantes, e sim praticantes porque para se praticar podolatria ou Bondage não se tem necessáriamente de ser Dominador/submisso, uma vez que o bondage envolve apenas cordas, fita adesiva e outras formas de imobilização por si só, logo não obriga a práticas de dominação/submissão.

Sim meus caros este é um tema complexo e que demora o seu tempo a compreender, a aprender e sobretudo (e isto é a parte mais complexa) a aceitar que gostamos disto, afinal gostamos de práticas "violentas", "humilhantes" entre outras coisas que nos ensinaram que são profundamente negativas e de desrespeito pelo ser humano, além disso a sociedade em geral e a comunidade cientifica olha para isto como uma parafilia (o que a literatura erótica em geral e as 50 sombras de Grey em particular vieram de certa forma desmistificar)

Considerar isto uma parafilia ou que o que fazemos é desrespeitoso para com o outro é a mais profunda falácia, e porquê? por duas razões.
1ª o bdsm é regido por uma regra de ouro descrita na sigla SSC (SÃO, SEGURO e CONSENSUAL) quer isto dizer que nada mas absolutamente nada do que é feito entre as pessoas é feito contra a vontade de qualquer um dos intervenientes, nem sem o conhecimento prévio destes das práticas (ex: se um/a submisso/a não sabe o que bondage o Dominador tem o dever de explicar antes de fazer)qualquer pessoa que desrespeite a regra de ouro não está a praticar BDSM mas sim violência e pode até ser posto de lado pela comunidade e ser barrado nas festas temáticas (sim minha gente existem festas temáticas de BDSM em Portugal e apesar de não estarem expostas a olho nu não são difíceis de encontrar) de ressalvar que qualquer pessoa pode ir a uma festa temática de BDSM sem participar da mesma, apenas para "ver o ambiente". Pessoalmente nunca fui a nenhuma festa temática porque paradoxalmente as pessoas deste "meio" (nem todas claro) são extremamente preconceituosas entre si (e porque detesto confusões e sítios cheios).
2ª Porque ao contrário do que muita gente possa pensar no que toca há Dominação/submissão a relação tem de ser muito mais profunda do que para uma relação baunilha(termo que se usa no mundo BDSM para uma relação "comum") a confiança tem de ser cega, nenhum submisso se pode submeter a um Dominador se não confiar nele de "olhos fechados"( e isto é das poucas coisas que o livro e o filme as 50 sombras de Grey retrata fielmente)
Tudo isto para vos dizer que as Cinquenta Sombras de Grey apesar de ser um bom livro e um filme "mais ou menos"  esconde muito deste complexo mundo, e nem poderia ser de outra forma pois cada praticante de bdsm o vive de forma diferente tem gostos diferentes, afinal estamos a lidar com pessoas.

Ainda assim o livro e o filme trouxeram algo perverso a este mundo, banalização, muito boa gente se acha submisso ou dominador desde que leu ou viu o filme e deixem-me que vos diga, esta prática é talvez das mais complexas, envolve mexer com sentimentos, envolve praticas que podem ser perigosas se mal executadas, para terem uma ideia desde os 18 anos que me descobri apreciador desta prática, já passei por varias fases li muito sobre o tema e ainda hoje com 30 anos tenho receio de fazer certas coisas,e não, não são as brincadeiras que casais fazem para apimentar a relação (e bem) como as brincadeiras com algemas e umas palmadinhas que se chama dominação ou submissão, esta prática é muito mais mental que física tem uma vertente física que volto a reforçar tem de ser praticada com cuidado, mas tem uma forte componente psicológica, e sabem o que é mais engraçado e paradoxal nisto? ao contrariado que as pessoas pensam, é o submisso quem manda na relação, é o submisso que impõe limites que tem a palavra de segurança e é o submisso que cede o controle ao dominador de livre e expontanea vontade, podendo retirar-lho com uma simples palavra.

E o texto já está muito maior do que imaginei de inicio, caramba este assunto tem mesmo muito que se lhe diga.

Obrigado aos corajosos que aguentaram até ao fim do texto, obrigado de 

para o texto não ficar ainda mais longo e maçudo hoje fico por aqui.
o próximo post será (se vocês quiserem) sobre a minha prespectiva e experiência mais pessoal sobre bdsm, como o vejo e sobretudo como o sinto.

Que acharam deste post?

 

Comentem.

 

Fico há espera dos vossos comentários 


   



 


  

 

 

 

  

18 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

este blog participa

mini.JPG

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D